MENU
BUSCA

10 Animes interessantes que você não pode deixar de assistir!

Para quem começou a explorar o maravilhoso mundo dos animes (e mangás) há pouco tempo, fizemos uma lista com os melhores animes para você assistir! […]

Por Erick Lima, Sergipe
nov 14, 2019 as 7:00 pm - Indicações, Ranking

Para quem começou a explorar o maravilhoso mundo dos animes (e mangás) há pouco tempo, fizemos uma lista com os melhores animes para você assistir! Desde clássicos imperdíveis até novidades deliciosas que têm recebido muitos elogios por onde passam. Confira!

10 – Fullmetal Alchemist: Brotherhood

Status: Concluído (64 episódios)

Segundo anime inspirado no mangá Fullmetal Alchemist, esta é a versão mais fiel à espetacular história contada nos quadrinhos.

Edward e Alphonse Elric são dois jovens alquimistas. Quando ainda eram crianças, eles tentaram usar da alquimia para trazer sua mãe de volta à vida. A consequência disso foi a perda de um braço e de uma perna de Ed e a alma de Al precisar ser armazenada em uma armadura para que ele sobrevivesse.

Para reverter a situação, os dois procuram pela Pedra Filosofal, artefato que permite o rompimento da regra de troca equivalente da alquimia. Enquanto peregrinam por Amestris, seu país, os dois acabam descobrindo uma conspiração capaz abalar todo o seu mundo.

De tirar o fôlego, Fullmetal Alchemist: Brotherhood é daqueles animes que deixam saudade quando terminam e que você com certeza irá querer ver mais de uma vez.

Fullmetal Alchemist: Brotherhood está disponível na Netflix Brasil.

9 – Death Parade

Status: concluído (12 episódios).

Para quem quer fugir de animes com batalhas e pancadarias, Death Parade é uma das mais interessantes novidades que anda surpreendendo os fãs.

Baseado no curta Death Billiards, o anime mostra que quando duas pessoas morrem ao mesmo tempo são enviadas para misteriosos bares que são geridos por bartenders, espíritos que servem como juízes desses lugares.

Lá, as pessoas devem participar de uma série de jogos que servem para tratar dos seus respectivos destinos: serem reencarnados na Terra ou banidos eternamente para o vazio.

Death Parade é um thriller psicológico bastante tenso e sombrio. Se você gosta deste gênero de anime, então corra e assista!

8 – Death Note

Status: concluído (37 episódios).

O que você faria se fosse dono de um caderno capaz de matar todos os seus inimigos? Esta é a arma que Light Yagami, um estudante do ensino médio, usa para “combater o mal”. O jovem descobre o Death Note e passa a escrever o nome de todos os criminosos da cidade, com a missão de torná-la mais pacifica.

Mas, os planos de Light acabam por ser interrompidos por L., um detetive particular que se tornou um dos personagens mais icônicos desta série, além do Ryuk (o “deus da morte”), obviamente.

Em agosto de 2017, a Netflix apresentou a adaptação americana de Death Note, com direção de Adam Wingard, Nat Wolff como Light Yagami, Keith Stanfield como L., e Willem Dafoe como Ryuk.

7 – Bucky Jibaku-kun

Status: concluído (26 episódios).

Para a geração que adorava passar as tardes assistindo Band Kids, Bucky não é nenhuma novidade!

Baseado no mangá criado por Ami Shibata, Bucky conta a história de um mundo onde seres humanos, monstros e espíritos vivem em perfeita harmonia. Mas, todo o equilíbrio deste lugar (conhecido por Mundo 12) é desfeito quando algo terrível acontece com a Princesa da “Torre Pontiaguda”.

Ao longo dos episódios vamos acompanhando Bucky e Jibak, enquanto percorrem os 12 mundos do “Mundo 12” (que tem a forma de um relógio), enfrentando suas respectivas “Grandes Crianças” e espíritos, assim como os seus monstros protetores.

Pode parecer um enredo bastante confuso a primeira vista, mas assim que você começar a assistir Bucky, também vai querer ter desesperadamente um “monstrinho redondo cor-de-rosa” explosivo!

6 – Samurai X

Status: 95 episódios, 1 filme e 2 OVAs.

Outro clássico dos anos 90, Samurai X chegou a passar na Globo, embora a emissora censurasse boa parte das cenas por conta da violência.

Baseado no mangá de mesmo nome, Samurai X acompanha a história de Kenshin, um jovem Ronin (samurai sem mestre) que havia matado muita gente durante as guerras do início da Era Meiji, no Japão. Jurando nunca mais matar, Kenshin irá precisar enfrentar fantasmas do seu passado, muitas vezes de espada em mãos, se quiser viver.

Além das ótimas cenas de luta e da trama interessante, Samurai X faz um bom retrato do final do século XVIII e o choque entre tradição e modernidade no Japão. É uma ótima pedida para quem é fã de história!

Samurai X está disponível no Crunchyroll.

5 – Charlotte

Status: concluído (13 episódios).

Num mundo alternativo, alguns indivíduos têm poderes especiais que apenas se desenvolvem quando atingem a puberdade. Este é o caso de Otosaka Yuu, um jovem que descobre ser capaz de “possuir” a mente das pessoas… mas por apenas 5 segundos.

Este é o diferencial de Charlotte e que faz deste anime uma opção bastante interessante para quem procura uma história diferente: as limitações dos poderes dos personagens.

Por exemplo, existe uma garota capaz de ficar invisível, mas apenas para uma pessoa de cada vez, e uma outra que consegue incorporar espíritos, mas somente o da sua irmã… E assim vai sendo formada esta equipe de pessoas com “super” poderes.

No Brasil, esta série está sendo transmitida pelo Crunchyroll.

4 – Psycho-Pass

Status: 3º Temporada está lançando episódio durante essa Temporada de Outono.

Com uma vibe Minority Report, Psycho-Pass é ideal para quem curte histórias de ficção-científica (Sci-Fi), com um enredo denso, complexo e personagens bastante estilosos.

Psycho-Pass mostra um mundo distópico futurista, onde todos os seres humanos passam a ser considerados prováveis criminosos, até que se prove o contrário. As pessoas são constantemente analisadas e observadas, sendo punidas antes mesmo de pensarem em cometer algum tipo de crime.

O anime traz questões muito interessantes sobre a psique humana e reflexões sobre o significado do bem e do mal. Mais uma ótima sugestão para quem quer fugir de pancadarias nonsense.

3 – Cowboy Bebop

Status: concluído (26 episódios).

Sem dúvida, este é um dos animes mais cultuados entre os fãs do gênero. Cowboy Bebop (1998 – 1999) é diferente da maioria das animações japonesas que você já viu. Com cenas cinematográficas, uma paleta de cores impressionante e uma trilha sonora espetacular, ver este anime é quase uma obrigação de tão bom!

Produzido pela Sunrise, com direção de Shinichiro Watanabe e escrito por Keiko Nobumoto, Cowboy Bebop conta a história de um grupo de caçadores de recompensas num futuro onde os humanos migraram para outros planetas do Sistema Solar.

A população humana cresceu absurdamente, assim como os criminosos, e cabe aos membros da nave Bebop (Spike, Jet, Valentine, Ed e Ein) correr atrás dos malfeitores. Tendo este enredo como base, cada episódio explora questões maduras e filosóficas, como a solidão e o existencialismo.

Cowboy Bebop tem muita influência da cultura americana, principalmente dos filmes western, dos filmes de máfia e do jazz dos anos 40.

O sucesso do anime foi tão grande que duas séries de mangás foram criadas a partir animação. O diretor do anime também dirigiu um filme baseado nas aventuras dos caçadores de recompensa: Cowboy Bebop: Tegoku no Tobira.

2 – Kiseijū: Sei no Kakuritsu (Parasyte)

Status: concluído (24 episódios).

Também conhecido por Parasyte, este é outro anime que não é para os “fracos”. Com imagens grotescas e que vão tirar o sono de muita gente, Kiseijū conta a história de um grupo de vermes parasitas alienígenas que invadiram a Terra para controlar os corpos dos seres humanos!

Izumi Shinichi, um estudante de 17 anos, foi uma dessas vítimas… Bem, pelo menos quase. Um parasita tentou invadir o cérebro de Shinichi, mas foi impedido e apenas conseguiu dominar a mão direita do garoto.

Com a ajuda de Migi – nome dado ao parasita que passa a viver na mão do rapaz – Izumi se transforma num super-herói que combate os outros parasitas.

O mangá que deu origem a este anime foi inicialmente lançado em 1988, sendo um sucesso total. No Brasil, no entanto, esta série apenas começou a ser lançada em 2015.

1 – Hunter X Hunter

Status: concluído (92 episódios | 148 episódios).

Hunter x Hunter é outro título imperdível e uma ótima dica para quem quer mergulhar no mundo dos animes. Com roteiro de Tsutomu Kamishiro, esta animação está dividida em duas séries: a primeira lançada entre 1999 e 2001, e a segunda entre 2011 e 2014.

Vamos falar aqui sobre a segunda versão do anime, considerada a mais completa, pois traz a adaptação de todos os arcos vistos no mangá.

O universo criado por Yoshihiro Togashi é muito rico, com um sistema de magia único (através do uso do Nen, que é a energia da própria aura, basicamente) e com uma mitologia bastante característica.

Cada arco de Hunter x Hunter é como se fosse um anime a parte, com temáticas diferentes e inclusão de personagens exclusivos. Mesmo que o espectador ainda esteja acompanhando a trajetória de Gon Freecss, o protagonista, e seus amigos em busca de descobrir o que é ser um Hunter, o enredo não é inteiramente fechado nesse núcleo.

O anime dá abertura para a discussão de temas polêmicos e reflexivos sobre a humanidade, como o preconceito, a desigualdade, a pobreza, a família, entre outros.

A animação está a cargo da Madhouse, conhecida por ter produzido Death Note e One-Punch Man. Isso significa que podemos esperar belíssimas sequências de cenas de ação, fluídas e muito bem feitas!

O que achou da nossa seleção? Ficou interessado em acompanhar algum anime? Deixe nos comentários a sua lista com os animes mais interessantes na sua opinião!

Outras Categorias:
Veja Mais
Comentarios
comentários bloqueados...